Ianaconi Imports

Categoria ‘Review’

19dez2012

Review – Arc Audio PS8

 

   A mais nova edição da revista australiana InCar Entertainment publicou um review excelente sobre o processador Arc Audio PS8.

   Como conclusão da análise o autor escreve que a diferença de um sistema com o processador é algo incrível. Ele ainda diz que com palavras não é possível fazer justiça à qualidade do PS8. Não somente em relação a qualidade de construção e qualidade sonora, mas sim como ele consegue transforme o seu sistema de som.

   Estamos divulgando a matéria na íntegra. Confiram o link a seguir: Review – Arc Audio PS8

Sobre a Revista InCar Entertainment:
   O grupo Nextmedia, dono da revista InCar Entertainment, é considerado o maior grupo de revistas tecnológicas da Austrália. Além da InCar, o grupo possui revistas voltadas para fotografia, som reidencial e automação.

19jun2012

Arc Audio PS8

 

   Análise do processador Arc Audio PS8 na revista americana Performance Auto & Sound.

   Confira na íntegra a matéria aqui: Review – Arc Audio PS8

Abaixo, está a tradução completa da matéria:

PS8
Digital Signal Processor

   Durante a CES em Las Vegas, eu tive a oportunidade de escutar muitos carros de demonstração. Um que realmente se destacou foi o Saturn branco no estande da Arc Audio. Eu fiquei um tempo considerável escutando o carro e recebi uma explicação completa do sistema do Fred Lynch, da Arc Audio. Fred me explicou todos os detalhes, desde os incríveis alto-falantes Arc Audio Black Series, até os amplificadores, mas a peça que realmente faz toda a diferença, era o protótipo do processador ultra high-end da Arc Audio, chamado de PS8.

   Eu perguntei ao Fred mais detalhes sobre o PS8 e o que descobri foi nada menos que excepcional. Todo projeto técnico é de responsabilidade do lendário RObert Zeff, um homem que não tem nada a provar a ninguém quando o assunto é criar produtos de alta qualidade sonora. Com as habilidades de Robert, a equipe de engenheiros da Arc Audio e experiência de Fred Lynch em regular carros de competições high-end, o resultado final é uma boa mistura de performance, poder de regulagem e simplicidade.

   Tive o prazer de receber o próprio Fred Lynch em meu laboratório em Phoenix, onde me entregou pessoalmente um dos protótipos para teste.

   Primeiramente, gostaria de dizer que, de forma alguma, eu conseguiria fazer justiça a todas as características, inovações, tecnologia e todas as coisas legais do PS8 nesse artigo. No entante, eu farei o meu melhor para mostrar o máximo do que esse incrível produto é capaz de fazer.

Introdução

   O PS8 é uma caixa preta compacta que é controlada principalmente por um computador através de um cabo USB. Eu falo “principalmente”, porque tem possibilidade de mudança de algumas funções e configurações através de simples botões, o que facilita muito na operação.

   O PS8 é muito mais do que os eu processador comum. Ele foi desenvolvido do zero para poder ser usado como solução em várias aplicações diferentes, desde carros com sistema original, regulagens padrões, regulagens para sistemas high-end, entre outros.

   Uma das ótimas características do Arc Audio PS8 é que o grau de complexidade dele pode ser controlado pelo usuário. São 4 modos de operação diferente: “Standard”, “OEM”, “Intermediate” e “Expert”. No modo “Expert”, o nível de ajustes, configurações e variáveis é realmente surpreendente. Também, um detalhe importante sobre o modo “Expert”. Ele só é acessível depois do usuário aceitar um contrato de risco no próptio software. Esse aviso foi incorporado porque esse modo foi feito especialmente para usuários experientes. Nesse modo você está em controle total do produto e precisa saber exatamente o que está fazendo. Esse modo só é recomendado para experts ou pessoas que foram treinadas e entendem todo potencial do produto.

   As características a seguir descrevem as características básicas e funções incorporadas no circuito principal do DSP:

– DSP 32-bit de alta performance
– 300.000.000 MAC/s (acumuladores de multiplicação por segundo)
– Ciclo MAC duplo por clock
– 24.000 x 32 SRAM, 2000 blocos (acessíveis para dados ou programação)
– Dispositivo interno para evitar travamento do DSP
– Operação otimizada para 32-bit @ 192 kHz
– Suporta I/0 de amostras de áudio entre chips do DSP de até 32-bits.
– Transmissor SPDIF de 192 kHz.
– Input SACD multi-canal que permite stream direto DSD
– Capacidade de processamento de caminho duplo
– Codec / D/A de 32bits capaz de 192 kHz
– Taxa S/N analógico de 95.6 dBA 1:1
– Taxa S/N digital de 107.4 dBA
– Dois processadores de 72-bit (algoritmo) para controle de volume
– Processador principal de 170mHz
– Processamento interno de áudio 48-bit

   Como podem notar, no núcleo digital temos um DSP de alta performance (32-bit) que é capaz de fazer 2 MAC operações por ciclo de clock. O núcleo do DSP tem 8 acumuladores 72-bit, 4 X- e 4 Y- registradores de dados e 12 registradores de índice. Em conjunto com o núcleo DSP temos um DMA flexível. O DMA pode mover data entre os periféricos como a porta serial, input digital e output digital, ou qualquer memória do DSP, sem intervenção do DSP.

   Agora, antes de entrar em detalhes sobre as características, funções e capacidade de ajustes que o PS8 é capaz, eu acho que é uma ótima hora para dizer como é incrível a qualidade sonora desse produto.

   Além do vício pelo som automotivo, eu faço muito trabalho em concertos de áudio profissional, studios profissionais e também som residencial high-end. Então eu já testei uma quantidade incrível de processadores do mercado. Alguns são muitos bons, outros são muito ruins. Um dos modos que uso para diferenciar, é escutar pelo que chamo de “som processado” ou “som artificial”. O Arc Audio PS8 é um dos processadores mais musicais que eu já escutei. Ele é realmente uma caixa preta cheia de mágica, porque quando você escuta um sistema bem regulado no PS8, você não tem idéia que o sinal está sendo manipulado. Esse tipo de transparência é marca registrada em processadores da mais alta qualidade, e o PS8 recebe nota máxima nessa categoria. Amigos, esse produto tem um som incrível, principalmente porque você simplesmente não consegue ouvi-lo.

Medições/Testes

   Em testes técnicos, o PS8 também é incrível. O produto tem uma série de especificaçÕes excelentes. Ele fornece mais de 8.5 volts em cada saída, com uma ótima impedância de apenas 22 ohms. Taxa S/N é sempre um detalhe complicado em processadores, mas graças a componentes de alta qualidade e a brilhante engenharia de Robert Zeff, esse processador tem uma taxa S/N melhor que -95dBA em 4Vrms. Eu medi níveis THD de 0.005%, e separação stereo foi um incrível 88dB!

   Eu poderia falar mais da qualidade sonora e das especificações, mas eu não teria espaço para falar de todas os detalhes do modo expert, então é disso que vamos falar agora.

Funções e Módulos do PS8

Tecnologia A.R.U (Auto Recovery USB)
   Essa tecnologia foi desenvolvida por Robert Zeff especialmente para o PS8 permite que falhas e problemas com cabos, inclusive desconectar acidentalmente, ou falta de bateria no notebook, etc não afetem o processador. O que isso realmente significa? Você não corre o risco de perder configurações não salvas devido a um travamento de software ou do próprio DSP.

Update em tempo real e gerenciamento de memória
   Comunicação com o PC enquanto no modo de usuário é feita em tempo real e você pode escutar os ajudes conforme eles forem sendo feitos. Arquivos de configuração do usuário são processados internados como arquivos de dados e não arquivos de áudio. Dessa maneira, o PS8 pode processador esses ajuster em uma resolução muito maior, sem a comum perda de banda, frequência de resposta ou transparência de sinal no domínio digital.

Fonte de qualidade audiófila de 4 estágios
   O PS8 usa uma fonte proprietária de 4 estágios para os compoentnes digitais e analógicos. Existe uma fonte isolada de 14-volt especificamente para o controlador OLED (vendido separadamente) e op amps, assim como canais da fonte dedicados para o codec e chips principais do DSP. Para prevenir qualquer ruído, um circuito de aterramento especial elimina qualquer possibilidade de interferência no sinal ou algum ruído induzido entre os componentes analógicos e os digitais, melhorando a taxa de S/N.

Protocolo de identificação proprietário da Arc Audio
   Cada PS8 vem com uma identificação e número serial embutido no processador, o que possibilidade que é possível verificar o número de registro de cada unidade. Essa função de segurança não permite que o número serial possa ser removido do aparelho. O número serial fica visível na interface do software quando o PS8 é conectado a um computador.

Possibilidade de trocar os dispositivos de saída
   Dispositivos de saída da Texas Instruments modelo 5532 são utilizados para melhorar a dinâmica geral além da qualidade sonora, permitindo que o PS8 tenha padrões extremos na reprodução de áudio. No entanto, não importa a qualidade das peças originais, sempre vai ter alguém achando que um outro op-amp pode ser melhor. Para contribuir com a comunidade audiófila o PS8 possui um soquete para facilitar a trocar dos dispositivos de sáida. Mas temos que ressaltar que a Arc Audio não é responsável por qualquer dano que possa ser causado, devido a uma troca por outro dispositivo. Fiquem aqui com meu conselho: deixem os 5532 originais – existem poucas opções que podem trazer alguma melhora.

Estágio de entrada de sinal e compatibilidade
   O PS8 possui 6 canais de entrada (RCA) capaz de aceitarem mais de 7 volts de sinal. Ele também possui entrada alta que pode ser utilizada através de um adaptador RCA e da tecla no processador que altera impedância de entrada de 10.000 ohms para 200 ohms. A entrada alta irá aceitar até 20 volts de sinal o que torna o processador compatível com maioria das unidades centrais originais.

Entrada digital coaxial / fibra ótica
   O processador também possui entrada ótica e digital coaxial, o que permite a utilização do produto com as melhores unidades centrais do mercado. A utilização da entrada digital só é possível com o controlador PSC opcional, para controlar o volume.

Entrada de 3.5mm auxiliar
   Uma entrada auxiliar de 3.5 mm serve para conexão de fontes como mp3 players ou GPS. É possível escolher a opção “navi” o que faz com que o PS8 corte o sinal quando detecta um sinal desse input para comandos de navegação. Quando essa entrada é utilizada, ele desabilita as entradas RCA #5 e #6.

Circuito de remote controlado pelo DSP
   Para evitar qualquer ruído causado por componentes sendo ligados antes ou depois de outros, o PS8 oferece um circuito para controlar eletronicamente o momento de ligação ou desligamento dos amplificadores do seu sistema. É possível escolher o tempo de 1 ms até 10 segundos.

Mudança de memória especial
   O PS8 oferece um conector para você ligar uma chave de 3 estágios normal, que permite alterar entre 3 memórias/presets diferentes sem precisar usar o controlador opcional ou o computador.

Uso em som residencial
   O PS8 oferece uma opção para usar o processador também em sua casa. Essa função é possível utilizando uma fonte adequada (não inclusa) no produto.

Módulo bluetooth
   O PS8 oferece opção para comunicação Bluetooth. O módulo PS8BTM (vendido separadamente) possibilita o usuário streaming digital de áudio de MP3 players no PS8. Esse módulo é compatível com Bluetooth 2.1 e permite um alcance de até 30 metros e pode suportar até 14 perfis Bluetooth.

Customização de entrada/saída
   Cada canal de entrada ou saída pode ser customizado com nomes de até 10 caracteres, o que facilita depois no momento dos ajustes.

Medidores VU
   Uma das características que eu mais gostei no PS8 são os medidores VU no software. Esses medidores individuais por canal permitem você ver o nível de sinal dentro do PS8 e em vários pontos. É possível ver o nível de sinal em tempo real, além de nível de clipping e nível individual de todos os canais de entrada. O medidor VU de saída permite o usuário visualizar o sinal através do PS8, mixer, crossover, equalidador, etc para garantir que os canais estão todos configurados corretamente e não está ocorrendo algum excesso de sinal. Já o medidor VU de sinal permite o usuário checar o nível de sinal de cada canal de saída para maximizar a performance e evitar qualquer clipping ou distorção indesejada.

Controle de mute
>   Em todas as telas do software é possível controlar cada canal separadamente (mute), facilitando na hora de regulagens específicas.

Update de firmware
   Quando o PS8 se conectar a Internet através de um computador, o usuário pode facilmente checar se existem updates para o processador e controle, clicando em um simples botão. O processo inteiro de update leva aproximadamente 60 segundos. Além disso, não existe qualquer risco, devido a um protocolo de segurança. Fiz um teste desconectando o cabo USB durante o update e também desligando o notebook, o sistema volta ao estado inicial sem qualquer problema.

Suporte Online
   A interface do PS8 permite suporte online. Em qualquer local do mundo, você pode se conectar ao suporte online. A pessoa do suporte técnico pode controlar o processador remotamente através da Internet, o que facilita muito o suporte técnico.

Modo Expert do PS8

Menu de sinal de entrada
– Ajuste individual por canal do sinal de entrada
– É possível ajuste de -64 dB até -/+ 24 dB em incrementos de 0.25 dB por canal.
– Possível definir prioridade da interface de auto-sense
– Analog (RCA e entrada auxiliar 3.5 mm)
– Digital (coaxial, ótica e bluetooth)
– Status de input/output

Mixer/Roteador de sinal
– Configuração de entrada e saída por canal.
– Possível definir caminho do sinal de cada canal de entrada para um respectivo canal de saída.
– Todos os controles são variáveis e permitem opção de escolher stereo, mixed stereo, mixed mono e sum mono.
– Possível utilização de sum mono para combinar sinais de entrada em um sinal de alta qualidade para subwoofers.
– Controles podem ser feitos por teclado ou mouse.
– Controle de inversão de fase individual em cada canal de entrada e saída.

Crossovers
– 8 canais com crossovers totalmente variáveis: all pass, high pass, low pass e band pass.
– Possível definir slope e tipo de filtro em qualquer um dos canais.
– Possível utilização de slope de 6, 12, 18, 24, 30, 36, 42 E 48 dB.
– É possível utilizar filtros Butterworth, Linkwitz-Riley, Bessel ou opção de Q variável.
– Em qualquer canal é possível escolher de 20 Hz até 20 kHz em uma definição incrível (como por exemplo é possível utilizar 6.523.43 Hz se desejado).
– Crossovers podem ser definidos pelo mouse ou teclado.
– É possível definir limites de crossover para evitar que esses limites sejam excedidos em testes para prevenir dano em algum alto-falante do sistema.

Possíveis variações de crossover
– 1.999.800 pontos de corte de frequência diferentes por tipo de filtro, por canal.
– 3.999.000 pontos de corte de frequência diferentes por canal.
– 31.992.000 possíveis pontos de corte de frequência no PS8 em todos os 8 canais de saída.
– Mais de 4.000.000.000 de tipos de crossover e configurações no PS8.

Controle de fase/alinhamento de tempo
– Controle individual dois 8 canais
– Alinhamento de tempo de até 10 ms por canal (ajuste em incrementos de 0.01/0.02 ms)
– Display numérico mostra o status de cada canal.
– Controle pode ser feito por mouse ou teclado.
– Possível agrupar canais para facilitar o ajuste do alinhamento de tempo.
– Controle de inversão de fase individual em cada um dos 8 canais de saída.

Controle do sinal de saída
– Cada canal possui ajuste de 0 até -40 dB de atenuação.

Equalizador
– Oito canais de equalização 31 bandas 1/3 oitava por canal.
– Pode ser escolhido frequência de 20 Hz até 20 kHz.
– Ajuste em incrementos de 0.25 dB (cada banda por canal pode ser ajustado até +- 24 dB).
– Possível agrupar canais para facilitar o ajuste do CROSSOVER.
– Gráficos disponíveis para cada canal individualmente ou todos os canais juntos.

Equalizador Paramétrico
– Oito canais de equalização paramétrica de arquitetura aberta.
– Possível escolher de 1 a 31 bandas por canal.
– Possível escolher centro de frequência para todas as 31 bandas em cada um dos 8 canais (20 Hz a 20 kHz).
– Q variável em todos os canais.
– Q pode ser ajustado de 0.1 a 24.0 possibilitando escolher pontos de equalização bem amplos ou precisos.
– Ajuste em incrementos de 0.25 dB (cada banda por canal pode ser ajustado até +- 24 dB).
– Gráficos disponíveis para cada canal individualmente ou todos os canais juntos.

Para mais informações: clique aqui!

Sobre a revista Performance Auto & Sound:
   A revista Performance Auto & Sound tem sido referência no mercado desde sua criação. Atualmente é umas 3 revistas automotivas mais vendidas nos Estados Unidos e a mais vendida no Canadá. O objetivo da revista é mostrar as últimas novidades do mercado automotivo, desde campeonatos de drift até os melhores sistemas de áudio do mundo.

15jun2012

Hybrid Audio Unity U61-2

 

   Análise do kit 2 vias Hybrid Audio Unity U61-2 na revista inglesa Talk Audio. O produto teve notas sensacionais. Além disso, recebeu o prêmio de “Best Buy” que é voltado para os produtos com melhor custo x benefício, e também o “Reference Class” que é voltado para os melhores produtos de cada categoria.

   Confiram o review na íntegra aqui: clique aqui!

   Para mais informações sobre o produto, clique aqui!

Sobre a revista Talk Audio:
   A revista eletrônica Talk Audio é referência no mercado automotivo da Inglaterra. É, com certeza, a publicação de maior importância no país, com milhares de acessos todos os dias.

11maio2012

Arc Audio Black 6.2

 

   Análise do kit 3 vias Arc Audio Black 6.2 na revista australiana InCar Entertainment. Foram comparados vários kit 2 vias das maiores marcas do mercado, como Focal, Alpine, Morel, Hertz, e o produto da Arc Audio foi o grande vencedor.

   O kit 2 vias Arc Audio Black Series 6.2 é um lançamento da Arc Audio. O kit inclui um par de midbass de 6.5″ e um par de tweeters de 1″. Além disso, o kit acompanha um crossover passivo construído com componentes da mais alta qualidade. A linha Black Series foi desenvolvida na Dinamarca e pode ser considerada uma das melhores opções para quem quer montar um som de extrema qualidade.

   Confira na íntegra a matéria aqui: Review – Arc Audio Black 6.2

Sobre a Revista InCar Entertainment:
   O grupo Nextmedia, dono da revista InCar Entertainment, é considerado o maior grupo de revistas tecnológicas da Austrália. Além da InCar, o grupo possui revistas voltadas para fotografia, som reidencial e automação.

09maio2012

Cabos Shok Industries

 

Por que os cabos da Shok Industries são os melhores?

 

   Não se deixe enganar pelos produtos inferiores oferecidos no mercado. Os cabos da Shok Industries são os melhores do mercado atualmente.

   Começando pela qualidade da matéria prima, além do acabamento e flexibilidade do material.

   Além disso, a Shok Industries está presente em vários países. É uma marca respeitada mundialmente, e vem provando sua qualidade vencendo etapas do EMMA, IASCA e dbDrag na Europa, Ásia, Austrália, Estados Unidos e Brasil.

   Os dois carros mais fortes do mundo no dbDrag (Alan Dante e Fabiano “Hal” dos Reis) utilizam cabos da Shok Industries em seus carros. Ambos podem testemunhar a melhora que tiveram depois de trocar todo cabeamento dos seus carros de competição (SPL).

   Um outro ponto muito importante é a quantidade de filamentos. Enquanto a concorrência utiliza um número de filamentos muito menor e mais grossos, os cabos Shok Industries oferecem o maior número de filamentos do mercado. Isso garante uma qualidade e condutividade muito maior.

Quantidade de Filamentos

Shok Industries:
1/0AWG: 5285 filamentos
4AWG: 2009 filamentos
8AWG: 735 filamentos

Concorrência:
1/0AWG: 3087 filamentos
4AWG: 1176 filamentos
8AWG: 539 filamentos

Shok Industries, FEEL THE POWER!

Para saber onde encontrar os cabos da Shok Industries, clique aqui.

Para mais informações, clique aqui.

15mar2012

Arc Audio Black 6.3

 

   Análise do kit 3 vias Arc Audio Black 6.3 na revista americana Performance Auto & Sound.

   O kit 3 vias Arc Audio Black Series 6.3 é um lançamento da Arc Audio e estará disponível até o meio do ano no Brasil. O kit inclui um par de midbass de 6″, um par de midrange de 4″ e um par de tweeters de 1″. Além disso o kit acompanha um crossover passivo construído com componentes da mais alta qualidade. A linha Black Series foi desenvolvida na Dinamarca e pode ser considerada uma das melhores opções para quem quer montar um som de extrema qualidade.

   Confira na íntegra a matéria aqui: Review – Arc Audio Black 6.3

Sobre a revista Performance Auto & Sound:
   A revista Performance Auto & Sound tem sido referência no mercado desde sua criação. Atualmente é umas 3 revistas automotivas mais vendidas nos Estados Unidos e a mais vendida no Canadá. O objetivo da revista é mostrar as últimas novidades do mercado automotivo, desde campeonatos de drift até os melhores sistemas de áudio do mundo.

29nov2011

Hybrid Audio Technologies I6SW

 

   Mais um vídeo do subwoofer de 6.5″ da Hybrid Audio Technologies. Dessa vez é um carro de demonstração da loja Bass Audio de São Paulo – SP.

Quem fez?
Bass Audio – www.bassaudio.com.br

Mais informações sobre o produto: clique aqui!

09ago2011

Imagine I6SW

 

   Mais um vídeo demonstrando o potencial do subwoofer de 6.5″ da Hybrid Audio, o Imagine I6SW. Vale a pena conferir:

   Esse produto estará disponível no Brasil na segunda semana de agosto!